08/07/2012

Mar

Nossa vida virou mar
Nada de despedidas, apenas mar
Sem nem o ultimo olhar, apenas mar
Outrora a maré há de trazer o que sobrar
Ou quem sabe lá me leve as ondas devagar



Nenhum comentário:

Postar um comentário